Postagem em destaque.

domingo, janeiro 30, 2011

Possível Felicidade ?




Para de Enrolar por favor, fala que quer se entregar e que não é bobagem, que tem mesmo vontade de abrir os braços por livre e espontânea coragem !

E enquanto isso eu faço tantos planos que talvez você nunca vai saber, exatamente por não compreender tanta bobagem de um homem que fecha os olhos e vê o futuro com felicidade e amor.
Dizem ser tão difícil, ainda mais para os homens; Mas faço isso com tanta facilidade, que escuto ate crianças correndo pela cozinha em um domingo que deixaria de ser monótono, vejo você de calcinha na cozinha usando a minha camisa e sorrindo por me escutar dizer que esta deslumbrante !

Mais guardo isso pra mim, posso ser apenas um apaixonado em pleno sonho. Não necessariamente precisa ter fim, podemos mudar as coisas de lugar e quem sonha pode acordar, chego ate debochar do meu pavor, pois me vejo ganhar assas e voar.

sábado, janeiro 29, 2011

Vou Aprender a Decifrar




Se escuridão tivesse gosto, seria precisamente igual ao do teu beijo, tão presente, real, que pareceria ser mentira essa verdade !

Juro não acreditar ainda, beijei a boca que desejava todas as noite, realizei meu desejo e tudo foi tão genuíno que fez-me sentir falta da ficção de que tudo seria fantasia !

Não era bela, mais mesmo assim me encantava com tuas imperfeições perfeitas. O poeta esta vivo com todos espinhos, deslizes e perdições; O desenhista ativo amassou tantas folhas ate perceber que o desenho em si era incompleto e hoje desenha pelas paredes do quarto um coração em chamas, mergulhado num aquário de ácido.

Lápis sem ponta obriga o desenhista virar poeta e nas paredes enxerga mentiras totalmente sinceras, obrigando o poeta desenhar imaginações inconcretas, sonhando em realiza-las por completo.

E ao realizar, vem essa decepção de que tudo que sonhava era muito mais do que esperava e nem se compara com o que viveu !

Mais Nada




Continuo com as idéias martelando minha mente, desvairadas e continuas elas dilaceraram minha moral e colocaram-me diante de ti assim; indeciso e completamente confuso.

Nao sei quanto tempo vai durar, mas sei que nao pode ser eterno. Essas ideias idiotas dentro de mim, me fazem perder total controle quando perto de ti estou. Parece que voce é o unico que nao percebe que pode me torturar apenas com seu toque de quem quer iludir, pode ate ser sarcástico mas de alguma forma isso me envolve feito corrente sanguínea, quando vejo estou pulsando de raiva pois deixei ilusões me torturarem como se eu fosse a fonte de toda sua energia.

Tudo que faço me leva ao nada, ao completo e pesado nada, como posso estar cheio de vida, sentir tudo isso e saber que isso tudo é nada ?







Primeira Parceria das Muitas que ainda quero com a Gabriella Farro .!

http://gabriellafarro.blogspot.com/

Não quero me acostumar !




Será que estou amando aquele alguém, que um dia me disse que não vem !

Será que amo aquela outra, que chega dizendo que esta louca !

Será que amo aquela Vaca, que se entrega mais empunha uma faca!

Eu amo a Princesa, mais morro de tesão por aquela malvada que mistura meus sentimentos em um caldeirão em pleno Borbulhar de prazer.

Viro Príncipe de cavalo branco para salvar a mocinha, mais não abandono minha ousadia de Vilão, não dá pra poupar um coração de míseros arranhões !

Corações Machucados são mais cheirosos e quentes, me atraem de formas incontroláveis, quando vejo, estou cicatrizando feridas que ja estavam ali quando cheguei. E o pior de tudo é que a cicatriz fica com as minhas características, trazendo-me não o mérito de uma cura, mais a capacidade de esconder o que era dor; não uso de anestesias, mais talvez minhas mentiras tenham um poder parecido.

Será que amo aquela outra ? ou amo a outra que diz ser aquela ?

Amo a mim mesmo e estou condenado a dizer Será, pois quero um dia me cicatrizar dos cortes que eu mesmo faço !

quarta-feira, janeiro 26, 2011

Estou sendo, Obrigado !?




Unitário e completamente dependente, feito uma pétala sozinha, mais grandioso e conquistador como o botão de rosa; esse é meu sentimento jogado em um jardim de lamentos, inundado de cores e vida, mas mesmo assim ainda choro ao te ver correndo pro meus braços e sorrindo feito criança.

Choro por mim, choro por não estar sendo verdadeiro e por saber todos os teus segredos, choro por saber que conhece todos os meus defeitos e assim ainda diz que sou perfeito.

Longe de mim ser perfeito, muito menos ser um anjo como venera-me, mas consigo sorrir diante de tudo isso, pelo bem que me faz; Sorrio por você, sorrio por estar ao meu lado, sorrio por ser minha companheira de idéias nada normais, por dizer que comigo se sente mulher, por dizer que sente-se bem ao meu lado e por saber que vai me entender quando ler o que te escrevo !

Não te Amo, mais sem você não sou Feliz !

segunda-feira, janeiro 24, 2011

Pecado Sagrado




A carruagem do prazer começou a desfilar coberta de chama, iniciando um novo ciclo de colheita e seguidores, é inevitável, um dia todos sobem e desfrutam de tanta mordomia.

Minha mente Adormece, as minhas pálpebras Não conseguem se levantar, minhas palavras são lentas, nem mesmo eu consigo pronunciar, a sensação era de alivio, parecia estar liberando a minha alma, desse corpo feito apenas de fraquezas.

Esses movimentos em minha frente, Vejo um quadril que sobe e desce, a minha sensação é de estar ouvindo vozes, deitado nessa cama fico pensando, aonde esses movimentos estão me levando; Derrepente o corpo Flutua e a mente adormece, cravo minhas mãos naquelas curvas que me estremecem , óh corpo. E aos poucos subo ao céu, ou deslizo diretamente ao inferno, depende do sentimento que me colocou nessa situação.

Fui ao paraíso por míseros dez segundos, por essas e outras que Taco fogo na carruagem e saio por ai todos os dias, atrás de passageiros com destino ao paraíso....!

sexta-feira, janeiro 21, 2011

Fshui Muash




Aquele lugar não tinha nada de especial; mas ficar ali sentado, olhando o vento desfazer os montinhos de areia, sentir o mesmo rodear meu corpo, as árvores dançando ao ritmo de um acalento.

Fechei meus olhos, abri os braços e sonhei, pude ver a cor do vento, senti a alma das plantas ao meu redor, estava tudo em harmonia, mulheres nuas possuíam asas, voavam pra todos os lados, aos poucos fui envolvendo-me com o ambiente fictício do meu sonho, flores de todas as cores nasciam ao meu lado, que cheiro bom, natureza, ar limpo, céu hipnotizador, em meio a tantas belezas, uma singela e pequena borboleta me conquistou, estava parada em um tronco seco e morto, me concentrei apenas naquela parte do "paraíso" e pude ouvir as larvas comendo o resto de vida que ainda restava daquele tronco.
Debaixo de asas coloridas, um corpo escuro, pequenino e indefesa, um tapa e eu esmagaria facilmente tanta beleza; mas ali corria um sangue negro e acelerado, por fora uma fantasia tão calma e acolhedora, estendi minha mão e ela se pos a voar em torno de meu braço, ate que buscou repouso em meu dedo, fixou seus membros em minha pele sintonizando os batimentos das asas com o do meu coração,e ali ficamos harmonizados.
Derradeiramente acelerou as asas e subiu em direção ao horizonte, minha visão foi se apagando e com flash de momentos me vi voando junto dela.

Inacreditável ou não, ao abrir meus olhos, Borboletas voavam por esse lugar, Nada especial !

Só essa Noite !




Estou meio Sonolento e completamente sem cabeça !
Definitivamente eu preferia que essa vadia estivesse nua, de pernas para o Ar; mais como esse mundo mediócre não atende todos os meus desejos, estou com essa normalidade dormindo em meu peito, suspirando por coisas que eu fiz sem o mínimo prazer de bem estar..!

Enfim, o jeito vai ser dormir também e esperar que amanhã ela me acorde pelo menos com os seios crus roçando pelo meu corpo. Se assim não for, mata-la-ia de uma forma completamente doce e cruel, um caminho de rosas a levará ao meu amor e ao chegar, sumirei como o frio do sol !

quarta-feira, janeiro 19, 2011

Aproveite a chuva, para se Secar !




De agora em Diante não quero o teu tédio em meio aos meus Lençóis.
Tudo que vivemos Foi muito, desculpe-me mais foi muito pouco!
Enrole todos esses vestígios e suma, suja, junto deles.

Sonha Poeta, Realiza Vadio, duas personalidades que fazem-me exoticamente humano, não deixo de sentir.

O Contraditório seria tão perfeito, que habitaria o meu ser com extrema plenitude, Taças de Cristais Flutuam e nos servem, sem qualquer magia, é comum pra mim adormecer esquecendo todo o dia; e ao despertar me sentir um selvagem em adaptação aos carinhos abundantes.

Ta vindo uma tempestade e eu vou de encontro dela, pelo menos vai me envolver e depois Sumir, Não terei que dizer te amo!

E é Sorrindo que me Perco !




Pregos pela parede fixam minhas alucinaçoes, sangue seco em minhas mãos denunciam meus crimes, uma dormência na minha língua se faz presente, o Vazio por dentro é tão singelo aliado a ele o silencio se faz ensurdecedor em meus ouvidos!
Vozes me dizem para correr, cores dizem-me para ficar e as flores queimadas de prazer Ordenam que eu Flutue.
Meus Olhos Fundos não Acostumaram-se com a rotina, mais o corpo pede estupidamente uma dose cruelmente dita de amor, com direito a poesias em forma de desespero, e alegria com gosto de novidade!
Se ainda existe vergonha em mim, acredito que ela esteja com vergonha de mim, pedindo-me um motivo para me acompanhar, e realmente não vejo motivos!

sexta-feira, janeiro 14, 2011

24 horas !




Me fiz de poeta, escrevi para as estrelas e tu quis me matar, usando de amor ....
Eu quero viver, viver de amor, pra um lado e para o outro sentindo a madrugada, volto pra casa só depois que o sol acordar, ou melhor, quando o sol me chamar !

E por mais que estejamos completamente homogeneizados, eu ter-me-ei separado de ti, pois o astro rei chama-me para um banquete de novas poesias, novas risadas e o inicio de uma nova temporada.

Lá Vamos Nós Ja estou preparado, traga-me aquela alegria, e vamos acordar a Lua !

É difícil ser "eu"




Qualquer homem no meu lugar, neste momento, estaria Farto, Satisfeito e com um mega espírito de gula.

São Ex's propondo encontros escondidos, mulheres mostrando a vontade no olhar, o desejo no caminhar e o prazer no realizar..!
Céus, como pode ? De uma hora pra outra, eu esperando a chuva; me cai uma tempestade, inunda a minha auto-estima e fortalece uma fama um tanto vulgar, mais que me coloca em pleno bem estar !

Mais como vinha dizendo, fico psicologicamente perdido pois não sei se meu lado animal deve dominar o meu eu, Que eu ? quem sou eu? Qual sou eu ?

Aaaaah que tudo vá para o inferno, vou ser o eu que me fizerem ser, mesmo que não seja eu, estarei fantasiado de Eu !

terça-feira, janeiro 11, 2011

Troca Justa !




Ficarias então Nua ? se eu lhe tirar todas as duvidas ?

A Cada duvida, uma peça de roupa ao chão se aconchegava..! e em poucas perguntas e ja avistei os seios fartos e envaidecidos com a minha presença.

Carrego comigo a Herança dos animais Predadores, confesso muitas vezes caçar apenas pra comer, mas não tenho a crueldade dos mesmos, nem sempre isso satisfaz-me, preciso dessa magia de retribuições, fazer para ter e por onde ter..!

Minha sinceridade... é Atrevida e mal educada, por muitas vezes me tira o mérito do romantismo.

Existimos, Apenas no Nós




Eu te perdi.
Você se perdeu.
Nós nos perdemos.

Eu lhe devo.
Tu me Deves.
Nós nos devemos (um pouco mais de Humanismo.)

Eu me invento
Você se Inventa
Nós nos Reinventamos

Você me procura
Eu me escondo
Nos nossos escombros.

Você quer Voltar
Eu não quero de Volta
Eu, você, Nós não temos volta !

Justificativa de Tudo




Como uma Noite em meio aos Barulhos esotéricos, eu estava ali Sentindo o chuveiro massagear minhas costas enquanto olhava pela fresta da janela, o vento frio da Rua fazia minha pele quente soltar fumaça, Urino no ralo,e aos poucos o meus pensamentos Levam aqueles momentos para dentro do banheiro, e sem hesitar, excito, hesitando minha reação desligo o chuveiro, e alucinado corro pro quarto molhando o caminho todo e sacudindo o meu pensamento infame,paro na porta do quarto e pareço estar Alucinado, mais minha fama de Vadio, me lembra que não me alucino, perco a Cabeça e faço o que quero.

Meti o Pé na Porta, e fui pra mais uma das inúmeras transas da noite !

domingo, janeiro 09, 2011

E que saibam: anjos não são santos.




Meu bem querer, quero teu amor com gosto de amanhecer. Mas não um simples amanhecer, ver o sol para mim não basta. Quero ver o corpo nu, as asas soltas e a vontade escancarada. Posso dizer que sou um anjo, mas isso não significa que sou santo. Seria um demônio se assim preferisse, mas não tiraria de mim a inocência de um vadio, com um véu imaculado e a pureza crua de um altar.
Um santo, um louco, um poeta. E com a pulsão desenfreada de derreter seu corpo nas mãos...
Acordar fazendo das mãos agora muitas, e do coração um órgão inexistente. Dormir feito anjo, e sonhar como um pervertido de auréola obscura. Buscar o desejo no fundo do poço, e após, despertar a esperança de tirá-lo de lá, dar um beijo em sua testa, e lá de cima empurrá-lo.
Beijo-te carinhosamente enquanto te empurro, deixo derramar nos seus olhos alguma essência minha. Arranco da sua garganta algumas palavras que só cabem nos gestos, e as suas delicadas mãos pensam me sondar e sou tão leve, você toca as asas.
Perfaz-me um anjo de malícia - que insana és, que delícia!
Agora pego meus versos e coloco debaixo dos braços.
Deixais as palavras - coitadas - cheias de calor e agora molhadas de prazer! Da janela são vistas as sombras, roupas rasgadas espalhadas no chão. Mas há algo que você busca no meu olhar, uma ternura adormecida que desperta. E não tem explicação, anoitece, amanhece, o tempo não espera. A gente deita e se enlouquece e o mundo diz que temos que fazer preces.
Sou um anjo nu, voando por aí, entregado a quem quiser uma dose de amor( dizem que é amor). E que saibam: anjos não são santos.




Em honrosa parceria com Yephram.

http://romanceemlinhastortas.blogspot.com/

terça-feira, janeiro 04, 2011

Desfrute, pois não sei se Faria outra vez !




Cheio de Sonhos olhando para o nada , Que mundo esquisito parece que não pertenço aos sentimentos que respiro, as coisas rodam e param sempre no mesmo lugar, as coisas crescem da terra e as vezes cai agua do céu.
O meu corpo é estranho, é carne, é frágil, é nada!
Sinto coisas por dentro que não consigo entender,por mais que eu tente me decifrar, solto agua pelos olhos quando cruzo com o sorriso daquele animal conquistador, diferente de mim, possui curvas pelo corpo,um cabelo longo, traços delicados, desenhado a Bico de pena, e um sorriso que me tira o foco !

Parece as vezes que devo segui-la, outras que devo me afastar ainda mais, ela passa por mim todos os dias, vou fazer um caminho de rosas por onde passas, talvez ela note a minha presença sem que eu tenha que me atirar ao chão, ou tenha que me transformar em um animal um pouco mais irracional, e comece a deixar a razão de lado e brinque com o teu coração. Sei que nesse tal mundo imperfeito, faço dos meus desejos perfeitos e de perfeitos passam a ser feitos, mais do que adianta ter desejos perfeitos e ser imperfeito ? que crueldade a minha tirar a beleza das flores para te conquistar, mais não vejo outra saída.

Mudança !




Se eu Arrancar meu coração, quem morre Primeiro ? Eu ou você ?
Aquele nosso abraço foi como se eu estivesse cometendo um pecado, Tentei ser tão ingénuo, mais meus pensamentos me traiam, e quando percebi já estava com segundas intenções!

To começando a sentir que meus textos estão repetitivos, o que posso fazer se os sentimentos seguem a mesma linha.. ?

Talvez eu precise mudar por completo, ou acabo mesmo esquecendo do óbvio, e morro ao arrancar meu coração !

segunda-feira, janeiro 03, 2011

Um Animal sente Fome, Mesmo Ferido !




Qualquer Dia, qualquer hora, a gente se encontra.
No imprevisto, no dom das horas.
Eu não posso fingir, muito menos mentir pra mim mesmo, estou no deserto com o coração exposto a tempestade de areia.
Mais não é isso que vai me impedir, preciso sair daqui antes que eu perca a valentia.
Armadura Quebrada, peito aberto, coração sangrando, me coloquei de pé e com passos firmes corri parar as miragens de você, de tanto engolir areia estava de garganta seca, ate que você me aparece.

por mais que me desse agua na boca, a camada de areia estancava meus sentimentos, e estancou também meu sangramento.

Coração já estava petrificado, a garganta arranhava feito espinho, mais ainda tive forças no braço pra lhe dar um abraço, e com o poder de um olhar dizer que nunca mais quero te ver !

Pelo menos ate eu ter forças para minhas vontades !